Vancouver é uma das principais cidades do Canadá, e já foi eleita duas vezes como o melhor lugar para se viver. Circundada pelo mar e com paisagens que misturam enormes florestas, montanhas que ficam cobertas de neve e prédios modernos, a cidade é cosmopolita, sofisticada e cheia de gente de todas as partes do mundo – recebe muitas pessoas em busca de uma nova vida, além de muitos intercambistas.

Para entrar no Canadá, é preciso ter visto válido – aqui já tem todas as informações importantes sobre o visto canadense. As línguas oficiais do país são inglês e francês, mas, em Vancouver, fala-se inglês – então dá para se virar na cidade. A moeda é o dólar canadense (C$), e é importante ir acompanhando a cotação enquanto planeja sua viagem. A mobilidade em Vancouver é ótima, e dá para fazer absolutamente tudo de transporte público, as passagens de ônibus custam cerca de $3 dólares canadenses – e, enquanto estiver na região central da cidade, dá para fazer as coisas a pé ou de bicicleta.

vancouver

O que fazer?

Vancouver é um lugar cheio de coisas para fazer, e que consegue agradar todo mundo! Canada Place é um dos edifícios mais famosos da cidade, ele fica de frente para um píer e a sua construção lembra um barco. Aqui também fica a escultura que foi construída para segurar a chama olímpica dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2010.

Perto do Canada Place fica Stanley Park, o maior parque de Vancouver – que oferece muitas coisas para fazer! Há mirantes para se ver a cidade do alto, lugares para fazer passeios de barco, praias, um passeio de trem pela floresta, jardins e o Vancouver Aquarium, o aquário possui diversas espécies de animais marinhos, um cinema 4D e vários pontos que simulam habitats de alguns dos animais (aqui você pode ver milhares de peixes, baleias, golfinhos, estrelas marinhas, pinguins, tubarões..). A entrada no aquário custa por volta de C$31 dólares canadenses.

Queen Elizabeth Park é um parque que possui jardins famosos e bem bonitos, e, ainda é possível ver um viveiro de pássaros, Bloedel Floral Conservatory é de vidro e é muito bonito ver de dentro e de fora. E entrada para ver os pássaros custa C$7 dólares canadenses. Dr Sun Yat-Sen é um parque que possui um jardim chinês autêntico, que possui uma série de técnicas e tradições na sua montagem – para entender um pouco melhor sobre isso, o passeio guiado é a melhor opção e, a entrada para esse jardim custa C$14 dólares canadenses.

canada

Canada Place

Capilano Suspention Bridge é, sem dúvida, uma das grandes atrações de Vancouver! É uma ponte construída a 70 metros de altura, e que tem mais de 130 metros de extensão, e que é segurada por cabos de aço. A travessia da ponte é uma das atividades mais procuradas pelos turistas. Capilano fica dentro de um parque, que oferece outras atividades como arvorismo e andar em cima de um penhasco sob uma plataforma de vidro – a entrada do parque custa C$40 dólares canadenses.

Grouse Montain é uma montanha que, além de dar uma vista linda da cidade, possui atividades bem diversificadas, como espetáculos teatrais, ver animais (há uma área para ver os ursos) e fazer várias trilhas. As atrações na montanha também variam de acordo com a estação do ano, e o valor dos ingressos também – entrando aqui você pode ver os preços conforme o que quer ver e fazer. Lynn Canyon Park é mais uma que possui uma ponte suspensa – porém menor que Capilano – além de um cânion em que nasce uma cachoeira, em que é possível nadar! A entrada nesse parque é gratuita.

canada 2

Capilano Suspension Bridge

As praias de Vancouver também são ótimas atrações! English Bay Beach é uma praia bastante famosa, possui boa infraestrutura, com várias lojinhas e restaurantes por perto. Kitsilani Beach fica em frente a English Bay Beach e é bastante badalada. Wreck Beach é uma praia que fica um pouco abaixo do nível da rua, rodeada de árvores e cheia de jovens – fica perto de uma universidade. No Stanley Park também tem duas áreas beira-mar: Second Beach Third Beach que são mais tranquilas e dá para aproveitar em família. Vale lembrar que a água do mar é super gelada, mesmo no verão!

canada 3

English Bay Beach

Vancouver Lookout é um observatório de mais de 160 metros de altura que te dá uma vista panorâmica da cidade – as fotos aqui ficam lindas. A entrada custa $17 dólares canadenses. Do observatório, você pode ver Gastown Steam Clock, um dos únicos relógios a vapor do mundo, e que fica em uma região super gostosa de Vancouver, então, passeie por suas ruazinhas. Robson Street é uma das ruas mais famosas da cidade, e é cheia de restaurantes e lojas – ótima para fazer compras.

O que/Onde comer?

Como Vancouver é uma cidade que recebe gente de todos os cantos do mundo, seu cenário gastronômico é bem diversificado, com restaurantes de culinárias de todos os cantos do mundo também. É muito comum encontrar fish&chips, o clássico peixe com batatas fritas inglês, nos cardápios. Assim como é impossível sair da cidade sem provar uma iguaria da província de Quebec, o poutine, batatas fritas com queijo e um molho especial.

As opções de restaurantes na cidade são quase infinitas! Os peixes canadenses são conhecidos por sua ótima qualidade, os sashimis, então, nem se fala… Então, não deixe de provar comida japonesa no Shabusen Yakiniku House, que tem um ótimo cardápio e preço. Para comer hambúrguer e um ótimo poutine, vale a pena dar uma passadinha no Red Robin. A Old Spaghetti Factory serve comida italiana à um ótimo preço. A Warehouse é um restaurante em que todos os pratos são servidos a C$5 dólares canadenses, e é bem gostoso, viu? Go Fish é um clássico para comer o fish&chips!

Hospedagem/Onde ficar?

A rede hoteleira de Vancouver é extensa, as opções de hotéis são bem grandes, mas, os preços nem sempre são tão em conta assim. A dica é sempre começar a procurar hospedagem com antecedência, e , sempre acho que vale a pena olhar o site Airbnb, já que os preços são bem mais em conta, os apartamentos são muito bem localizados e super confortáveis.

A melhor região para se hospedar é no centro da cidade, em Downtown, perto de Canada Place e Robson Street. Já que é onde ficam os principais pontos turísticos e perto de restaurantes, bares, cafés, lojas… Algumas opções de hospedagem são: Comfort Inn Downtown Vancouver, Landis Hotel & Suites, Victorian Hotel e Samesun Vancouver.

Quando ir?

O Canadá tem a fama de ser gelado, mas, Vancouver não é de suas cidades mais frias. Com uma média anual de 11ºC, a cidade possui estações bem definidas. O inverno, de dezembro a março, pode ficar com os termômetros em 4ºC, e chove bastante, então, não esqueça roupas adequadas. O verão, de junho a agosto, é mais quente, com média de 20ºC, com bastante sol e uma cidade bem mais animada – é o período de alta temporada, em que os hotéis ficam mais caros. O outono e a primavera são períodos em que as temperaturas não são extremas e que a cidade ganha um charme especial!

Gustavo Fundador
"Utilize os filtros abaixo para encontrar sua viagem com mais facilidade. Os valores apresentados já incluem todas as taxas."
Gustavo Fundador
"Utilize os filtros abaixo para encontrar sua viagem com mais facilidade. Os valores apresentados já incluem todas as taxas."