Boston tem uma marca importante na história dos Estados Unidos – foi sede das batalhas que levaram a Independência Americana. Pelas ruas de paralelepípedos e entre grandes prédios modernos e museus cheios de coisas interessantes para contar e mostrar, a cidade se abre e encanta o visitante que nela pisa.

O idioma oficial é o inglês, e as pessoas são muito receptivas com turistas. A moeda é o dólar americano, e 1U$ dólar equivale a, aproximadamente R$3,50 reais – a cotação vai mudando, não deixe de acompanhar enquanto planeja sua viagem. Além disso, é fácil se locomover pela cidade, até porque Boston é famosa pela eficiência do transporte público – o metrô é a forma mais rápida de chegar aos lugares que ficam um pouco afastados do centro, e a passagem custa cerca de U$3 dólares. Outra forma de locomoção famosa na cidade é a bicicleta compartilhada – há um sistema chamado Hubway, e é só se cadastrar (em qualquer ponto que tenham as bicicletas) e alugar por 1 ou 3 dias.

O que fazer?

O ritmo de Boston não é tão frenético quanto das outras cidades dos EUA – é para respirar fundo e sair andando por ai. E, conhecer a cidade geralmente começa pela Freedom Trail, que leva aos principais pontos turísticos ligados a Independência do país. Por essa rota, há vários blocos de metal no chão que localizam o turista – são vários lugares para conhecer.

boston 1

As indicações para os visitantes de Freedom Trail

A primeira parada é em Boston Common, o primeiro parque público do país e que servia de passagem para os moradores e, ainda, que serviu de palco em lutas contra os exércitos britânicos. Além da história, é um sempre cheio de moradores que querem curtir o dia ao ar livre. Ainda dentro do parque, Massachusetts State House, um grande domo dourado (que já teve várias cores, dependendo da época histórica) que foi usada como sede do governo de Massachusetts durante as lutas da independência – e essa é a segunda parada.

A próxima parada é Park Street Church, que foi palco de manifestações relacionadas a direitos humanos, além de ter funcionado como uma escola. Logo depois, Grnary Burying Ground, a quarta parada, um cemitério onde muitas pessoas importantes para a cidade estão enterradas – como as vítimas do massacre ou os que assinaram a independência. O cemitério não é nada melancólico, bem pelo contrário, fica em uma área bem bonita.

King’s Chapel é a quinta parada de Freedom Trail, a primeira igreja angelicana da cidade – que é muito bem preservada. Além disso, na área da igreja, é possível conhecer alguns outros túmulos, como o primeiro governador do Massachusetts. A próxima parada é Boston Latin School, a escola pública mais antiga dos Estados Unidos, onde Benjamin Franklin estudou.

A sétima parada é Old Corner Bookstore, o estabelecimento comercial mais antigo da cidade, e, que foi usado para pregações religiosas de uma mulher que, posteriormente foi considerada herege e expulsa da cidade. Já Old South Meeting House é a próxima parada, onde aconteceram importantes reuniões para a independência – é preciso pagar U$10 dólares para entrar, e, lá dentro há um museu e uma maquete do que era a cidade de Boston no período colonial.

A nona parada é Old State House, o verdadeiro palco de decisões para a independência – e, onde ocorreu o Massacre de Boston. Logo depois, a próxima parada é Boston Massacre Monument, um círculo de pedra que homenageia as vítimas.

Faneuil Hall Building é a décima primeira parada, que é conhecido como berço da liberdade, por ter sido palco de muitos discursos importantes e encorajadores. Logo depois, a décima segunda parada é Paul Revere House, uma peça importante da independência – Paul trazia as notícias das tropas britânicas aos americanos, em corridas à cavalo noturnas.

A décima terceira parada é Old North Church, que, além de templo religioso, era usada para alertar os americanos sobre a chegada das tropas britânicas – seu campanário é o mais alto da cidade, com quase 60 metros de altura. Copp’s Hill Burying Ground é a décima quarta parada, um cemitério em uma colina, que conta com personalidades enterradas.

USS Constitution é a décima quinta – e penúltima – parada de Freedom Trail, uma fragata ancorada que sempre vencia as batalhas que participava, e é um dos navios de guerra mais antigos do mundo. A última parada é Bunker Hill Monument, um obelisco que marca onde ocorreu a primeira batalha pela independência.

boston 2

Bunker Hill Monument

Depois de percorrer a Freedom Trail, é hora de conhecer outros pontos da cidade. Harbor Walk é a região em volta de Charlie River, que vai até o porto de BostonLong Wharf  é uma ótima parada – além de ser cheia de bares e restaurantes, é onde se pode conhecer o New England Aquarium e de onde se pode pegar um passeio de barco para ver a cidade de outra perspectiva. É um ótimo lugar para ver o pôr do sol! Fort Point é onde se pode curtir o finalzinho da tarde, e ainda ver uma réplica do navio protagonista da Boston Tea Party, episódio importante para a independência. Não deixe de conhecer o Institute of Contemporary Art, um prédio futurista que abriga um museu com acervo que conta com mais de 2000 peças de arte – a entrada custa U$15 dólares.

boston 3

A réplica do barco de Boston Tea Party, em Harbor Walk

Harvard é uma das universidades mais conceituadas do mundo, e, fazer uma visita é imperdível! O campus da universidade é bem grande, então, vale a pena pegar um tour guiado para entender melhor do local, e, para se localizar – não é permitida a entrada em nenhum dos prédios pelos turistas. Passa-se por Harvard Yard, e, logo depois, se conhece o prédio mais antigo do local, Massachusetts Hall. Ainda, é possível passar pelos dormitórios que abrigaram tantas pessoas importantes, e, passa pela estátua de um estudante – reza a lenda que passar a mão em seu pé da sorte. O tour guiado custa U$10 dólares, e, termina em uma praça cheia de food trucks. Ainda no universo de Harvard, vale a pena a visita ao Arnold Arboretum, um parque cheio de jardins bem bonitos.

boston 4

A estátua do estudante – com o pé já desgastado. Vai que dá sorte mesmo?

No centro da cidade, John Hancock Tower se destaca – um dos maiores prédios da cidade, e, todo espelhado. Não é aberto ao público, mas, é impossível não reparar nele! E, ainda fica ao lado de Trinity Church, um dos grandes símbolos da cidade – é Marco Nacional e oferece um tour guiado em seu interior por U$10 dólares. E, o melhor ponto para ver a cidade do alto é Skywalk Observatory, localizado no 50º andar do Prudential Center. O observatório é todo fechado, e, ainda possui um museu – a entrada custa U$16 dólares.

boston 5

John Hancock Tower

O que/Onde comer?

A cidade oferece muitas opções de restaurantes, com os mais variados cardápios e preços. Os frutos do mar são famosos e sempre presentes na cidade, até pela forte influência inglesa. Uma das comidas típicas de Boston é a Clam Chowder, uma sopa de mariscos – o restaurante mais antigo e tradicional é o Union Oyster House. O restaurante Barking Krab é onde se pode comer ótimos pratos com frutos do mar. Há muitos lugares para comer hambúrgueres na cidade, e, o mais famoso é Mr. Bartley’s. O Hillstone oferece pratos típicos da culinária americana. E, ainda há a famosa Cheesecake Factory, que nunca deixa de ser uma opção, né?

Hospedagem/Onde ficar?

A melhor região para se hospedar em uma cidade é a região central, né? Boston não decepciona, e oferece muitos hotéis para os mais variados gostos (e bolsos!). Algumas opções com um bom custo X benefício e ótima localização são: The Westin Copley Place, Ramada by Wyndham Boston, HI Boston Hostel e Boston Park Plaza.

Quando ir?

Boston é um ótimo destino em todas as épocas do ano. Dezembro e janeiro, por exemplo, são meses frios, em que os termômetros podem bater temperaturas negativas. No verão, a temperatura fica na casa dos 25ºC, e julho é o mês mais quente. Mas, sempre pode fazer friozinho na cidade, principalmente durante a noite, então, é importante estar sempre bem preparado! 

Gustavo Fundador
"Utilize os filtros abaixo para encontrar sua viagem com mais facilidade. Os valores apresentados já incluem todas as taxas."
Gustavo Fundador
"Utilize os filtros abaixo para encontrar sua viagem com mais facilidade. Os valores apresentados já incluem todas as taxas."