Orlandona Flórida, virou sinônimo de magia e diversão, graças ao sonhador Walt Disney – que queria criar um local para dar vida a seus icônicos personagens. E, assim nasceu a Disney, o complexo que possui os maiores parques temáticos do mundo e que recebe, em média, 50 milhões de pessoas por ano. Além dos parques (que são muitos), Orlando ainda é um ótimo de compras e onde se pode ter contato coma infinidade de culturas…

É importante dizer que, para entrar nos Estados Unidos é preciso de visto válido – e, aqui já tem todas as informações importantes sobre o visto americano. A língua usada é o inglês, e muitas atrações também se utilizam bastante da língua, então, sabendo, dá para se virar tranquilamente na cidade. A moeda é o dólar americano (U$), e é importante ir acompanhando a cotação enquanto planeja sua viagem.

shutterstock_674895937

Orlando

O que fazer?

As grandes atrações de Orlando são os parques da Disney – tanto que a gente nem ouve ninguém falar que vai para Orlando, já se diz direto que vai para Disney. Cada parque tem um tema diferente e uma magia própria e especial. Mas, não dá para esquecer dos grandes outlets da cidade, que são ideias para quem quer fazer umas comprinhas por um preço muito mais em conta.

Parques

São muitos parques, e como são várias informações importantes sobre cada um deles, tem um post específico para cada um deles, e, basta clicar em cima dos nomes para ir diretamente para as páginas específicas, ok? Não esqueça de pegar, na entrada do parque, o mapa – tem disponível até em português – para conseguir organizar seu dia da melhor forma. E, também o Time Guide, que informa todos os horários de shows, paradas e demais intervenções que vão acontecer dentro do parque naquele dia.

O Magic Kingdom foi o primeiro parque construído no complexo, e é todo tematizado dos personagens mais icônicos e clássicos da Disney, onde fica o castelo da Cinderela! São muitas atrações, shows e é um parque que a família toda adora. Dá para fazer o parque tranquilamente em um dia, basta priorizar as atrações e organizar o dia a partir daí. O Animal Kingdom é um dos maiores parques de todo o complexo, com um tema voltado para a natureza e os animais, dá até para fazer um safári. Como o parque é grande, eu sugiro separar 2 dias para poder conhecer tudo. Mas, aí, depende de quais atrações se quer aproveitar! O Epcot é um parque todo futurístico, que tem uma pitada de cultura de todas as partes do mundo, além de atrações super legais conta com pavilhões voltados para diferentes países! É um parque grande, mas, que dá para fazer em apenas um dia, se concentrar nas principais atrações e depois ir passando pelos pavilhões dos países é a melhor dica.

mk

Magic Kingdom

O Universal Studios é um parque mais moderninho, com atrações voltadas para um público um pouco mais jovem-adulto, de filmes mais atuais – como Harry Potter e Os Simpsons. São várias atrações muito legais, mas dá para fazer este em um dia para no outro aproveitar seu vizinho, o Island of Adventure. O parque é pequeno, mas se encaixa naquele ditado que diz “tamanho não é documento”! Guarda atrações de Harry Potter e Jurassic Park, que são sempre muito procuradas. Separe um dia para um destes parques, são muito gostosos e merecem ser aproveitados por inteiro! O Hollywood Studios mostra todo o glamour do cinema e do teatro, cheio de atrações e shows que acontecem nos bastidores. Além de ser o parque que recebe as novas atrações da Disney, como a Toy Story Land! Também acho que vale a pena separar um dia todinho para este parque, é super legal e concentra muitas atrações famosas!

shutterstock_570159460

A área de Harry Potter que fica entre Universal e Islands of Adventure!

O Busch Gardens é um parque famoso, grande e todo voltado para a temática da África! É onde ficam as montanhas russas mais famosas e onde se pode ter contato bem próximo com animais – são várias espécies típicas da savana africana que dá para ver bem de perto. O parque fica um pouco afastado de Orlando, em Tampa – então, por ser um parque grande e que fica afastado, é importante se organizar para conseguir fazê-lo em um dia. Mas, não é uma má ideia separar dois e se hospedar por lá para poder curtir tudo.

O Sea World é um dos parques que causa mais polêmica e divide opiniões… O grande tema é o mundo marinho, mais especificamente os animais, então, enquanto uns amam outros ficam extremamente incomodados pelos shows e exploração de animais. As grandes atrações são os shows, mas todos os “brinquedos” não ficam para trás! É um parque que é tranquilo de fazer em um único dia.

shutterstock_495713413

Sea World

O Kennedy Space Center não pode ser chamado exatamente de parque, é um espaço enorme da NASA aberto ao público! É onde se pode ver uma série de foguetes e objetos realmente utilizados em missões espaciais, além de entender mais sobre este universo e poder conhecer astronautas de verdade. Fica em Cabo Cavernal, pertinho de Orlando, mas, é preciso um deslocamento. Entretanto, é um lugar tranquilo para se aproveitar em um dia – principalmente se estiver chovendo muito.

E, há todos os parques aquáticos da Disney! São cinco no total, e cada um também tem uma temática diferente. O Blizzard Beach é tematizado de uma estação de esqui, cheio de toboáguas e atrações para a família toda. O Typhoon Lagoon tem uma temática de um tufão no meio de um paraíso tropical, que jogou até um barco em cima de um monte! O Volcano Bay é inspirado nas ilhas do Pacífico, e tem como grande atração um vulcão que reúne uma série de atrações. O Aquatica é um parque que também tem como tema as praias do Oceano Pacífico, com muitas atrações famosas. E, o Discovery Cove lembra um resort caribenho.. com atividades que envolvem até nadar com os golfinhos!

shutterstock_697505836

O parque aquático Volcano Bay

Compras e Outlets

As compras sempre estão em mente quando se pensa em Orlando – a cidade realmente possui ótimas lojas, shoppings e outlets, com preços ótimos e uma variedade de produtos inimaginável! Vale a pena reservar 2 ou 3 dias da sua viagem para as compras – e uma dica é ir nos outlets no final de semana, que os parques estão mais cheios e, consequentemente, os outlets mais vazios.

Dentro dos próprios parques é possível comprar algumas coisas. Souvenirs, canecas, roupas temáticas, brinquedos, bichinhos de pelúcia e até artigos de decoração. As melhores lojas para comprar essas coisinhas da Disney são: a Emporium, no Magic Kingdom. A Mouse Gear, no Epcot. E a World of Disney, em Disneysprings. Mas, em todos os parques há as lojas temáticas específicas do próprio parque. Downtown Disney e Universal Citywalk também oferecem várias lojas legais.

Os outlets da cidade são bastante famosos. O Premium Outlet é um dos mais famosos de Orlando, e possui duas unidades: um em Vineland e outro na International Drive – as lojas são as mesmas, tipo a GAP Factory Store, Nike Factory Store, Asics Outlet entre outras. O Lake Buena Vista Factory é um outro outlet, que é menor e menos conhecido. Os shoppings de Orlando também possuem uma enorme variedade de lojas – um pouco mais modernas que as dos outlets. O Florida Mall é bem famoso, e tem lojas bem variadas como Macy’s e a loja de M&M. O Mall At Millenia é um pouco mais moderno e possui lojas de grife famosas. O Altamonte Mall é um pouco mais vazio que o resto dos shoppings em Orlando, e possui várias lojas que vão desde as de grife até lojas como Forever 21.

outlet

Que tal levar várias lembrancinhas da viagem para casa?

O que/Onde comer?

Quando se fala em ir para os Estados Unidos nunca há uma grande expetativa gastronômica. Já se pensa rapidamente em fastfood, pizza… E, é claro que se encontra estes pratos com uma grande frequência, mas, vou mostrar que dá para comer bem Orlando, fugindo do hambúrguer e da batata frita – que é uma delícia as vezes, vai?

As clássicas redes de fast-food não vão deixar de aparecer aqui, como Mc Donald’s, Shake Shack ou Five Guys.. Mas, vamos apostar em outros lugares bem gostosos. Como Sweet Tomatoes, que funciona estilo buffet com saladas, pratos quentes e sopas – se come a vontade pagando um preço fixo, e dá para comer bem saudável! Assim como o Golden Corral. O Red Lobster é clássico e famoso pelos pratos com lagostas e frutos do mar. A Cheesecake Factory é outro restaurante clássico, que oferece saladas, pratos tipicamente americanos e generosas fatias de cheesecake. O Perkins é outro restaurante que serve comida bem americana, e é bem gostoso. Earl Of Sandwich é um restaurante de fast-food que além de servir lanches e saladas, serve sopa também. O preço é bom e a oferta de sanduíches é bem grande.

O Ana’s Kitchen é um restaurante que serve uma comida brasileira muito gostosa, além de vender vários quitutes congelados! O Olive Garden está espalhado no mundo todo, e é um ótimo lugar para comer uma comida italiana deliciosa. The Houlihan’s tem um cardápio bem variado que agrada todo mundo. Jason’s Deli tem buffet de salada, pratos saudáveis, sanduíches… É uma boa pedida!

Vale a pena lembrar que muitas das refeições vão ser feitas dentro dos parques, já que são os locais que se passa mais tempo na viagem. E, nos posts de cada parque tem as dicas de onde comer lá dentro! Ah, para saber onde comer com os personagens é só clicar aqui!

comida

Não dá para fugir de pelo menos um hambúrguer em Orlando, né?

Hospedagem/Onde ficar?

Orlando é um local com turismo e que possui muitas opções de hospedagem, então vai de você e do seu gosto, bolso e necessidade! Você pode ficar em hotéis – e há uma gama bastante variada – ou alugar uma casa, há vários sites para isso, e o Airbnb é ótimo! Além disso, ainda existe a opção de escolher um hotel dentro dos próprios parques da Disney, então, realmente, não faltam opções!

Escolher a hospedagem em Orlando não é difícil, mas vale a pena fazer algumas considerações. Com quantas pessoas você vai? Quanto tempo você pretende ficar por lá? Você quer aproveitar os parques, se esbaldar nas compras ou fazer os dois? Quanto de dinheiro você pretende gastar com hospedagem? Ao analisar e responder essas perguntas, prometo que fica mais fácil de escolher! Os hotéis tem quartos grandes que hospedam até quatro pessoas, os hotéis de dentro do complexo Disney oferecem transportes gratuitos para todos os parques, já uma casa vale a pena quando se está em um grupo grande e quer dar uma economizada. 

As melhores regiões para ficar em Orlando são: 

  • International Drive – Uma via que concentra hotéis, fica próxima a outlets e parques como Universal Studios, Sea World e Aquatica. Um bom hotel aqui é o La Quintana Inn
  • Lake Buena Vista – Pertinho dos parques do complexo Disney. É uma boa ideia alugar uma casa por aqui, mas o hotel Holiday Inn é uma boa opção.
  • Celebration –Área foi projetada pelo complexo Disney para ser algo meio futurístico, tem casas bonitas e hotéis legais como o Regal Oaks.
  • Dowtown Orlando – é no centro da cidade de Orlando, mas não fica tão perto assim da Disney. Um bom hotel para se hospedar por aqui é o DoubleTree. uma região mais tranquila e que fica perto de Downtown Disney. É um bom local para alugar uma casa e possui hotéis com preço mais em conta, como o Red Lion Hotel Orlando.

Se hospedar dentro do complexo da Disney não é lá muito barato, mas, vale a pena se você for com uma criança pequena. Os hotéis com os melhores preços dentro da Disney são os All Star Resorts – são 3 hotéis temáticos, que mantém o clima de Disney o tempo todo! O All Star Music tem como tema a música, o All Star Sports, os esportes e o All Star Movie, os filmes da Disney. Disney’s Art of Animation Resort é uma ótima opção também!

shutterstock_99801884

Downtown Orlando é uma ótima opção de hospedagem!

Como se locomover?

É muito difícil pensar em locomoção em Orlando sem pensar em carro. Até para sair do aeroporto é importante ter um carro – o aeroporto fica a cerca de 20 km do complexo da Disney. Também é bem importante contar com um GPS, seja o aparelho mesmo ou aplicativo de celular, vai facilitar muito nas andanças pela cidade. O carro pode ser alugado logo que se chega no aeroporto, e o aplicativo RentalCars pode ajudar – e muito – a encontrar os melhores preços do dia.

Para se locomover entre os parques, pode ser que se pegue as rodovias americanas, e elas tem pedágios – que funcionam bem diferentes do Brasil. É importante entender como é o funcionamento para não ter nenhuma surpresa dentro do carro. Sunpass, que é como o Sem-Parar brasileiro, um dispositivo é colocado no carro e a cobrança dos pedágios chega no final do mês.Epass é parecido com o Sunpass, mas um pouco menos abrangente, e que está presente em algumas rodovias que tem que se passar em OrlandoPlatepass funciona quando se passa em uma faixa dedicada a cobrança automática (do Sunpass, Epass), o pedágio tira uma foto da placa do carro e o envia para a locadora de carro, aí você paga quando for devolver o veículo – nesses 3 sistemas, paga um aluguel que varia de U$S4 e U$S5 dólares, mais o valor do pedágio. As concessionárias geralmente trabalham com o sistema Platepass.

carro 1

O combo perfeito para se locomover em Orlando

Quando ir?

É claro que quando se está planejando qualquer viagem é importante pensar na melhor época do ano para ir. Mas, quando se planeja uma viagem para Orlando é muito importante pensar na lotação dos parques – é inevitável pegar filas, mas, dá para se planejar para ficar menos de 3, 4 horas na fila de uma única atração.

Clima: Na Flórida, as estações do ano são bem definidas. O verão é bem quente, chegando aos 30ºC facilmente, e se encaixa nos meses de abril a setembro. Mas, essa é a época de chuvas, então, é bom ficar preparado porque o céu sempre pode fechar do nada. No inverno, entre março e outubro, as temperaturas são mais amenas – por volta dos 15ºC – e é bem mais seco. Mesmo que com temperaturas mais brandas nessa época do ano, tem dias em que o frio marca presença forte, então não hesite em levar roupas quentinhas.

Lotação dos parques: De novo, é importante salientar que é difícil estar na Disney e não ter fila nos parques, mas, dá para tentar de planejar para pegar menos tempo de espera. As épocas em que os parques ficam mais lotadas são feriados e férias escolares americanas (entre fevereiro e abril), férias (junho e julho) e entre as festas de final de ano (dezembro e janeiro). Vale a pena considerar os meses de maio, e entre setembro e novembro!

Gustavo Fundador
"Utilize os filtros abaixo para encontrar sua viagem com mais facilidade. Os valores apresentados já incluem todas as taxas."
Gustavo Fundador
"Utilize os filtros abaixo para encontrar sua viagem com mais facilidade. Os valores apresentados já incluem todas as taxas."