Se você é daquelas pessoas que pensa que conhece tudo ou já viu de tudo, com certeza ainda não foi para o lado Oriental do nosso planeta Terra. O lado asiático é fantástico e pouco explorado por brasileiros – muito por conta da distância – mas saiba que os países que lá se encontram são um dos mais baratos para se viver e conhecer, principalmente se comparado com o Real.

Quando for para lá, o inesperado vai te encontrar em cada esquina. Aqui não tem essa de, “já sei como as coisas funcionam”, não você não sabe, são países imprevisíveis quanto a lugares extraordinários, pessoas receptivas, macacos de mascara, ou até mesmo elefantes e vacas dividindo espaços com carros e tuk-tuks. Por ser um destino incrível estes roteiros podem ser tanto para viajantes experientes, quanto para viajantes de primeira viajem.

Dica Importante: Para receber as melhores ofertas de passagens aéreas, clique sobre os mensageiros aqui (Whatsapp e Messenger), siga as instruções e se cadastre. Ao final desse post, veja ofertas para este(s) destino(s).

adventure-1850912_1920

Para te ajudar nesta empreitada, separei alguns roteiros muito interessantes pelo sudeste asiático para te encorajar a conhecer o desconhecido.

Roteiro: Tailândia Malásia  Cingapura

Este roteiro é muito interessante, principalmente para as pessoas que desejam conhecer a Ásia, mais de um país, mas ainda está com um pé atrás. A Cingapura por exemplo, é um dos países mais desenvolvidos do mundo, um centro asiático e mundial de tecnologia, parece até uma cidade meio futurista. A Malásia tem a cara típica de um país em desenvolvimento, mas com uma infraestrutura muito boa. O mais “perrengue” dos três é a Tailândia, mas nada que te faça chorar, muito pelo contrário.

beach-3204790_1920

Chegando por Bangkok (muito provável que seja por lá) já irá ter mil coisas para ver. É uma cidade bem maluca, que pode assustar em um primeiro momento, mas deixe-se levar pela rica cultural local. Conheça o Grande Palácio Real, o Templo do Amanhecer e o Templo do Buda Reclinado, entre outras atrações, veja mais aqui. Para curtir a noite de Bangkok – que é imperdível – vá para a lendária região de Khaosan Road. Fique no mínimo três dias na capital tailandesa e visite Ayutthaya que fica a uma hora de lá. Depois vá até Chiang Mai fique uns dois dias e vá conhecer o cenário mais espetacular da Tailândia que está no estereótipo de todos: As belas rochas compridas no meio do mar azul, e areia branca (se não entendeu veja o filme: A Praia com Leonardo DiCaprio) que está nas ilhas Phi Phi.

sky-3130239_1920

O trajeto até Chiang Mai pode ser feito de trem em uma viagem noturna que durará aproximadamente umas 14 horas. De Chiang Mai até Phuket – a ilha que te leva até Phi Phi – terá de pegar um avião. Em Phuket, você pega uma balsa que te leva até as ilhas mais lindas do mundo.

garden-by-the-bay-503897_1920

É agora que você vai mudar de país! Siga para Langkawi, que nada mais é a ilhas Phi Phi da Malásia. Ou seja, são dois paraísos para nós, meros mortais. Para cruzar as duas ilhas você tem duas opções: Ir de balsa que possui saídas diárias mas leva cerca de oito horas, ou pegar um avião (mas cuidado, pois o voo pode ter conexão). Em Langkawi, depois de você ter curtido pelo menos um ou dois dias por lá, pegue outra balsa (calma, esta é mais rápida), para a Malásia continental.

Chegando no porto, bem ao lado você verá uma estação de trem e outra de ônibus, que é de onde você irá para Kuala Lumpur (enter seis e oito horas). Fique por lá umas três noites e siga para Malaca (coisa de três horas) e a cidade teve colonização portuguesa, assim como Goa na Índia, vale a visita. Nesta parte você já está no meio do caminho para a Cingapura, que irá render mais uns três dias no mínimo.

Roteiro: Tailândia Camboja  Vietnã  Laos

A parte da Tailândia é só seguir os paços descritos no roteiro acima. Mas resumindo, você irá percorrer Bangkok, Ayutthaya, voo de ida e volta para Phuket (para ir até as ilhas Phi Phi).

phra-nakhon-si-ayutthaya-1822502_1920

Voltou para Bangkok? Ótimo! Chegou a hora de conhecer Camboja. O jeito mais fácil e prático é pegando um voo até Siem Reap (uma hora de voo). Caso queira algo mais econômico e aventureiro vá até de Aranyaprathet, na fronteira com o Camboja, e pegue um ônibus ou trem e chegue em Poipet, uma cidade já no CambojaSiem Reap está a 150km dali, tem turistas que pegam táxi para ir até lá ou ônibus. De Camboja, você vai pegar um avião, ou ônibus até Ho Chi Minh City, no Vietnã. Caso vá por terra, irá conhecer Phnom Penh, a capital, e depois de 300km chegará no último destino do roteiro.

vietnam-3225767_1920

Já na terra vietnamita, alguma hora você estará na cidade de Hanói, e é de lá que você cruzará a fronteira para chegar em Laos. Iai? curtiu? Experimente estes roteiros e depois conte para nós como foi sua experiência!

Gustavo Fundador
"Utilize os filtros abaixo para encontrar sua viagem com mais facilidade. Os valores apresentados já incluem todas as taxas."
Gustavo Fundador
"Utilize os filtros abaixo para encontrar sua viagem com mais facilidade. Os valores apresentados já incluem todas as taxas."