A Bahia é mágica e guarda algumas das praias mais bonitas – e mais gostosas – do Brasil. Se quiser saber mais sobre Salvador, Morro de São Paulo ou Arraial d’Ajuda é só clicar! Mas, Trancoso tem um lugar especial no coração de cada um que a visita, não dá para não se apaixonar pelo seu ar rústico, suas praias ou todas as paisagens que só esse pedacinho da Bahia pode proporcionar.

trancoso 1

O que fazer?

Tudo em Trancoso começa pelo Quadrado, o gramado cercado de casinhas coloridas, de frente para a praia e com vista para as falésias e perto da igrejinha que dá um ar (mais) bucólico ao local – é sempre cheio de turistas que buscam a foto perfeita, não deixe de tirar a sua. Cheio de restaurantes, lojinhas e pousadas, é um dos lugares mais badalados da vila! A igrejinha é um cartão postal de Trancoso, e escolhida por muitos casais para trocar os votos do casamento. É um charme por dentro e por fora, impossível não entrar nela pelo menos uma vez.

trancoso 2

Mas, é claro que as grandes atrações da região são as praias! A Praia dos Nativos é a mais movimentada de Trancoso, cheia de quiosques, pousadas à beira mar e club’s super animados! A praia é marcada pelo encontro do rio com o mar, formando uma espécie de piscina no canto da praia, que se completa com o mar esverdeado e a faixa de areia. A Praia dos Coqueiros é popular, e é extensa, oferecendo trechos da areia com quiosques e cheios de gente e trechos tão sossegados que nem parece a mesma praia. Cheia de espreguiçadeiras e restaurantes, é a praia perfeita para passar o dia todo relaxando. O mar muda bastante de acordo com a influência da maré, que, quando baixa, parece uma piscina clarinha, e, quando alta, invade a praia. A Praia do Espelho é uma das mais famosas da região, com suas piscinas naturais e enormes falésias coloridas, além dos coqueiros espalhados na faixa de areia. Para poder ver as piscinas naturais, é preciso chegar na maré baixa, mas, fique tranquilo, o Espelho é lindo de qualquer jeito. Se quiser ter um visual ainda mais bonito, suba nas falésias para ver tudo de cima. Vale dizer que para chegar ao Espelho é preciso ir de carro ou ônibus, já que fica um pouco afastado do centro de Trancoso.

Há praias que ficam mais afastadas do centro e são praticamente desertas. Vale a pena investir nelas para passar um dia, viu? O visual é lindo e dá para curtir muito. A Praia do Rio da Barra é uma das mais bonitas de Trancoso. Cercada de falésias, com um trecho de areia clarinha e um mar estonteante, é um reduto de calma em meio ao agito das outras praias. Não há muita infraestrutura, apenas um restaurante, mas, sempre vale a pena se afastar para achar um cantinho para chamar de seu! A melhor maneira de chegar até a praia é de carro ou quadriciclo, que tem um gasto a mais apenas pela cobrança do estacionamento. Mas, dá para chegar caminhando a partir da Praia dos Nativos, são cerca de 3 km que precisam ser feitos na maré baixa. A Praia de Taípe fica pertinho de  Arraial d’Ajudae pode ser uma ótima ideia para também dar um pulinho por lá. Também é cheia de falésias, com vegetação nativa e um mar que varia entre o azul e o verde. Dá para chegar na praia de carro ou caminhando pelo Rio da Barra

trancoso 3

O que/Onde comer?

Se você está na Bahia é impossível comer mal, né? A culinária baiana faz parte das atrações da viagem, e os charmosos restaurantes deixam tudo ainda mais gostoso. Vale dizer sobre o preço, viu? Na região do Quadrado é bem mais caro que em seu entorno, mas, come-se bem de qualquer jeito, pode acreditar. Aqui vão várias dicas de restaurantes gostosos para poder tornar a viagem mais deliciosa ainda. O Silvana & Cia é um dos restaurantes mais tradicionais da vila, e, por isso, não exatamente barato. O El Gordo é um dos mais famosos, pelas festas que dá na alta temporada e pelos pratos que podem ser comidos de frente para o mar. Os preços são altos, mas, vale uma visita para tomar alguma coisinha no final da tarde!

O Sagrado possui várias opções de pratos por um preço bem mais em conta! O A Portinha é um restaurante por quilo que tem um preço justo e uma comida bem gostosa. O Capim Santo é focado em culinária regional, assim como o Cantinho Doce – vale a pena escolher um dos dois para uma bela refeição no meio da viagem, viu? A Delícias de Trancoso serve tapiocas deliciosas e de todos os sabores possíveis e imagináveis, não saia da vila sem comer pelo menos uma! O Rabanete é uma ótima opção para um almoço, cardápio extenso e preço ótimo. Para quem quiser um sanduíche, não deixe de passar no Lá no Dom. E, é claro, não deixe de comer acarajé no Acarajé da Chica!

trancoso 4

Hospedagem/Onde ficar?

Trancoso é um destino que vale a pena pesquisar bem a hospedagem que se vai escolher. São 1001 opções, e todas lindas. Os preços variam bastante, desde hostels até pousadas super chiques – mas, vale dizer que o padrão é alto pela vila, então, é tudo bem confortável e bonito. Tudo em Trancoso começa e termina no Quadrado, então é um bom lugar para se localizar – ficar nessa região é ficar realmente onde as coisas acontecem, perto dos principais comércios e das principais praias, então, ficar dentro dele ou em seu entorno é uma boa opção. Mas, é claro que é possível ficar a beira mar em Trancoso, nas principais praias e de frente para o mar, mas, é claro que fica um pouco mais caro.

Também vale a pena dizer que é importante levar em conta a presença de estacionamento na pousada (caso se vá de carro, a presença de estacionamento ajuda muito) e a distância da praia, nada melhor do que poder acordar e ir para a praia a pé, né? Então, aposte em uma pousada central para se localizar bem em relação aos comércios e a praia também!

Dito tudo isso, algumas opções de hospedagem são: Pousada Recanto do Sol, Pousada Hibisco e Pousada Villa Bahia, na região do Quadrado. E Pousada Le Refuge, Pousada Bahia Bonita e Pousada Suites Nativas, perto da praia!  

trancoso 5

Como chegar/Se locomover?

Trancoso fica no litoral sul da Bahia, a cerca de 77 km de Porto Seguro e 600 km de Salvador. Então, claro que o aeroporto mais próximo é o de Porto Seguro, e a porta de entrada para os que querem partir para o vilarejo! Da cidade, dá para seguir viagem de carro, ônibus ou transfer. De carro, o trajeto pode ser feito pela via BR-367 e BA-001, vale a pena ter consigo um GPS – e dizer que a estrada é um pouco esburacada, então é importante dirigir com um pouco mais de cuidado. De ônibus, é preciso parar em Arraial d’Ajuda – ou seja, um ônibus até Arraial e um até Trancoso. O trajeto é operado pela empresa Viação Águia Azul. Mas, também é possível chegar de transfer, uma opção mais confortável. É possível sair do aeroporto direto para o vilarejo com o custo de R$240 reais, mas, é importante pedir dicas de transfer na pousada em que vai se hospedar, são de confiança.

O vilarejo é uma delícia, e todas as praias merecem ser visitadas, então, vale a pena pensar em locomoção para poder conhecer tudo que Trancoso pode te proporcionar. O carro é um facilitador na hora de conhecer as praias mais afastadas, ou até mesmo as outras cidadezinhas próximas, além de sair mais barato que táxis e serviços de transfer durante toda a viagem. Mas, os estacionamentos e as estradas (não tão boas), podem ser chatinhos. Mas, há outras opções para se locomover na vila. Como o quadriciclo, por exemplo, que pode ser usado para acessar as praias e chegar aos outros pontos de interesse. Mas, os táxis estão espalhados, o que não deixa de ser uma opção, mas, vale a pena dizer que os preços são um pouco altos.

trancoso 6

Quando ir?

A Bahia é procurada por turistas o ano todo, e claro que Trancoso não foge a regra! É sempre lindo, calor e quase sempre com um céu cheio de sol. O maior fator de influência é o preço, que sobe muito na alta temporada (verão – ano novo, carnaval) e o número de turistas, que também aumenta bastante. Então, se não quiser pagar muito caro nem encontrar muita gente, evite os meses entre dezembro e fevereiro. Ou, até julho, que, com as férias escolares, faz muitas famílias arrumarem as malas rumo a Trancoso. Com relação ao clima, não é preciso se preocupar, as temperaturas nunca ficam muito abaixo dos 25ºC, e podem passar dos 30ºC fácil, então não esqueça de usar muito protetor solar e se hidratar bastante. As chuvas são bem distribuídas, mas, o verão é o mês com maior incidência, sendo novembro e janeiro os meses mais chuvosos, e sempre é possível cair uma chuvinha no meio do dia.

 

Gustavo Fundador
"Utilize os filtros abaixo para encontrar sua viagem com mais facilidade. Os valores apresentados já incluem todas as taxas."
Gustavo Fundador
"Utilize os filtros abaixo para encontrar sua viagem com mais facilidade. Os valores apresentados já incluem todas as taxas."